Pesquisar
Pesquisar

9º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo

João Baptista Pimentel Neto

Tradução:

O cineasta Silvio Tendler é um dos homenageados do Festival. Foto: Gabliela Nehring
O cineasta Silvio Tendler é um dos homenageados do Festival. Foto: Gabliela Nehring

Nona edição do festival homenageia Leandra Leal, Silvio Tendler, Pablo Trapero e Martina Gusmán com sessões gratuitas.

Em sua 9ª edição, o Festival de Cinema Latino-americano de São Paulo homenageia grandes personalidades que deixaram – e ainda deixam – sua marca registrada em produções latinas. É o caso da atriz Leandra Leal, do cineasta Silvio Tendler, do diretor argentino Pablo Trapero, (“Leonera” e “Elefante Branco”) e da atriz argentina Martina Gusmán. Todos marcam presença no evento.

   

O Festival acontece entre 24 e 30 de julho e exibe mais de 100 produções em cinco lugares diferentes: Memorial da América Latina, Cinesesc, Cine Olido, Centro Cultural São Paulo e Cinemateca Brasileira. A entrada é franca em todas as sessões.

Dentre os filmes estrelados por Leandra Leal, estão na programação “Nome Próprio” (2007), do diretor Murilo Salles, “O lobo atrás da porta” (2013), de Fernando Coimbra, “O uivo da gaita” (2013), de Bruno Safadi, e “O rio nos pertence” (2013), de Ricardo Pretti. Do diretor Silvio Tendler, são exibidos durante o Festival “Os Anos JK – Uma Trajetória Política” (1980) e “Jango” (1984), dois grandes sucessos de bilheteria, além de outras produções um pouco mais recentes, como “Marighella – Retrato Falado do Guerrilheiro” (2001). A programação completa ainda não foi divulgada.


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
João Baptista Pimentel Neto Jornalista e editor da Diálogos Do Sul.

LEIA tAMBÉM

Luis Abinader
Política de Abinader contra refugiados do Haiti é contradição que ameaça economia dominicana
Carlos Rodríguez
"Milei provocou uma das recessões mais rápidas e profundas da história", diz ex-braço direito
Embajada_de_México_en_Ecuador
México pede medidas cautelares devido à invasão da embaixada em Quito e CIJ rejeita
Luis-Abinader
Como reeleição de Luis Abinader na República Dominicana impacta crise no Haiti