Pesquisar
Pesquisar

Apague o ditador da sua escola

João Baptista Pimentel Neto

Tradução:

Pela modificação dos nomes das escolas públicas que homenageiam ditadores militares.

presidentes-militaresReivindicamos que sejam proibidas homenagens à ditadores da história recente do Brasil em escolas públicas, sejam elas federais, estaduais ou municipais.
A identificação de escolas com ditadores ou agentes da repressão representa uma atitude que vai contra o espírito democrático e contra a memória de todos aqueles que lutaram contra a Ditadura Civil-Militar.
Consideramos vergonhoso que ao completarmos 50 anos do Golpe de Estado que instaurou a Ditadura Civil-Militar em nosso país ainda tenhamos que conviver com homenagens absurdas deste tipo e anti-pedagógicas para a comunidade escolar e para toda a sociedade brasileira.
Se você também considera que ditadores não são dignos de ser exemplo para as nossas crianças e jovens, ajude a construir a campanha APAGUE O DITADOR DA SUA ESCOLA: Assine, divulgue essa petição para os seus amigos. Por Memória, Verdade e Justiça!
Para assinar esta petição pública CLIQUE AQUI!


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
João Baptista Pimentel Neto Jornalista e editor da Diálogos Do Sul.

LEIA tAMBÉM

Lula
Frei Betto | Para Lula, momento exige maior sintonia entre governo e movimentos sociais
Lula-RS-Brasil (2)
Nas mãos de Lula, caos no RS é sequela do bolsonarismo: desmonte ambiental e fake news
mães - palestina
Dia das Mães: algumas mães só querem a paz de presente, lembra ato pró-Palestina em Brasília
RS - inundações
Chamado à solidariedade internacionalista: inundação no RS demanda mobilização