Pesquisar
Pesquisar

Apartheid: quase 5 mil palestinos definham em prisões israelenses; 160 são menores de idade

Parte dos réus sofre detenção administrativa, tipo de encarceramento com base em evidências não reveladas nem mesmo aos advogados
Redação Prensa Latina
Prensa Latina
Ramallah

Tradução:

Aproximadamente 4.600 palestinos estão presos em detenções israelenses e 160 deles são menores de idade, denuncia o Centro de Direitos Humanos Al Mezan.

Em relatório sobre o assunto, a ONG destacou que, do total, 544 são condenados à prisão perpétua e outros 500 sofrem a chamada prisão administrativa.

Criticada pela ONU e por grupos de direitos humanos, a detenção administrativa permite que Israel prenda palestinos em intervalos renováveis, geralmente de 3 a 6 meses, com base em evidências não reveladas que até mesmo o advogado do réu está proibido de ver.

Os detidos sob esta política fazem sistematicamente greves de fome para exigir sua libertação.

Parte dos réus sofre detenção administrativa, tipo de encarceramento com base em evidências não reveladas nem mesmo aos advogados

Montecruz Foto/Flickr
Muro da Cisjordânia.

Diante da onda de questionamentos e protestos, há uma semana, Tel Aviv decidiu libertar Hisham Abu Hawash, 40 anos, pai de cinco filhos, que passou 141 dias sem comer.

Segundo o Centro, o número de detidos doentes nas prisões israelenses chegou a 550, dos quais 70 sofrem de problemas crônicos.

Também denunciou os numerosos casos de tortura e humilhação cometidos pelas autoridades do país vizinho.

Prensa Latina, especial para Diálogos do Sul — Direitos reservados.


As opiniões expressas nesse artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul.

Assista na TV Diálogos do Sul


Se você chegou até aqui é porque valoriza o conteúdo jornalístico e de qualidade.

A Diálogos do Sul é herdeira virtual da Revista Cadernos do Terceiro Mundo. Como defensores deste legado, todos os nossos conteúdos se pautam pela mesma ética e qualidade de produção jornalística.

Você pode apoiar a revista Diálogos do Sul de diversas formas. Veja como:

  • PIX CNPJ: 58.726.829/0001-56 

  • Cartão de crédito no Catarse: acesse aqui
  • Boletoacesse aqui
  • Assinatura pelo Paypalacesse aqui
  • Transferência bancária
    Nova Sociedade
    Banco Itaú
    Agência – 0713
    Conta Corrente – 24192-5
    CNPJ: 58726829/0001-56

       Por favor, enviar o comprovante para o e-mail: assinaturas@websul.org.br 


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Redação Prensa Latina

LEIA tAMBÉM

Wu Qian - China
Líder em Taiwan empurra compatriotas para situação perigosa de guerra, afirma China
Rússia-Defesa
Kremlin manda prender altos funcionários da Defesa por corrupção; entenda o caso
Rafah-ataque-Israel
Fepal: Como Alemanha nazista, Israel deve ser parado pela força das armas
Netanyahu
Pouco há para comemorar na decisão da Corte Penal Internacional contra Netanyahu