Divulgação / Facebook

Moviment: Direita radical das Américas se articula em Foz do Iguaçu em dezembro

A Cúpula Conservadora das Américas nasceu do anseio de organizar a direita brasileira e fazer um contraponto ao Foro de São Paulo

Redação Diálogos do Sul

O que a família Bolsonaro chama “contraponto ao Foro de São Paulo” é na realidade uma articulação do Moviment, movimento encabeçado por Steve Bannon, ex-conselheiro do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, na Casa Branca, que já conta com adesão de movimentos protofascistas, ou pós fascistas mundiais.

Originalmente planejada e organizada pelos deputados federais Eduardo Bolsonaro e Delegado Francischini — ambos filiados ao PSL — deveria ter acontecido no dia 28 de julho, mas foi repentinamente cancelada no dia 25 de julho, a apenas três dias da data prevista.

O cancelamento foi divulgado por Eduardo Bolsonaro, que informou que (a decisão) foi motivada pela posição do então presidente em exercício do PSL, Gustavo Bebianno, já que o evento poderia gerar questionamentos perante a Justiça Eleitoral. Na mesma mensagem publicada no Facebook pelo filho do então candidato Jair Bolsonaro, é informado que o evento foi "transferido para o dia 8 de dezembro, depois da eleição".

Luis Nassif On Line
Originalmente planejada e organizada pelos deputados federais Eduardo Bolsonaro e Delegado Franschini em contraponto ao Foro de São Paulo

O evento deve agora ser realizado no início de dezembro e prevê a participação de 2.500 pessoas reunidas em um dos belos resorts de Foz do Iguaçu, na tríplice fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai.

A Cúpula Conservadora das Américas é organizada pela Fundação Índigo de Políticas Públicas, que já foi presidida por Diego Costa, depois, até há pouco, pelo economista Sérgio Bivar que passou o posto para a economista e ex tucana Elena Landau. A Instituição é ligada ao PSL e ao Livres (Movimento Brasil Livre) que, na prática, é hoje o verdadeiro PSL.

Na sequência transcrevemos o release enviado pelos organizadores.

Cúpula Conservadora das Américas

No dia 8 de dezembro a cidade de Foz do Iguaçu sediará a "Cúpula Conservadora das Américas”

O mega evento é uma realização da Fundação Indigo (ligada ao PSL de Jair Bolsonaro) e contará com as presenças de Eduardo Bolsonaro, Luiz Philippe de Orleans e Bragança, Olavo de Carvalho (vídeo conferência), Fernando Francischini, Orlando Gutierrez, Roderick Navarro, Carlos Gomes, Francisco Javier, Abraham Bragança, Allan dos Santos, Miguel Martín, José Antonio Kast, María Fernanda Molina, Fidel Zavala e o Major-General Jorge Cuellar.
Que se dividirão em quatro painéis: Cultura, Política, Economia e Segurança.

A Cúpula Conservadora, que reunirá 2.500 pessoas, nasceu do anseio de organizar a Direita Brasileira e fazer o contraponto ao Foro de São Paulo. Segundo os organizadores a ideia é reunir importantes líderes e economistas liberais da América Latina para debater os problemas atuais que ocorrem em nosso país e no mundo, e buscar soluções.

O evento ocorrerá no centro de convenções do Hotel Recanto das Cataratas.

Inscrições abertas para o público e para a imprensa no site: www.cupulaconservadora.com.br.

O evento é gratuito.

Julliene Salviano
Assessora de imprensa
JS assessoria de Imprensa


*Revisão e edição: João Baptista Pimentel Neto

Comentários