Pesquisar
Pesquisar

Conferência Global Multisetorial sobre o Futuro da Governança da Internet

João Baptista Pimentel Neto

Tradução:

arena-net-mundial-header#ArenaNetMundial será realizada de 22 a 24 de abril, no Centro Cultural São Paulo, paralelamente à Conferência Global Multisetorial sobre o Futuro da Governança da Internet (evento que está sendo chamado de NetMundial). O encontro propõe criar um ambiente que facilite e estimule a participação social sobre os temas relacionados à Conferência.

O esquenta do debate fica por conta do Comitê Gestor da Internet no Brasil e da Secretaria-Geral da Presidência da República, que realizarão uma videoconferência online no dia 20 de março, às 17h. O objetivo é discutir temas como o direito á conexão, acesso ao conteúdo, privacidade, diversidade cultural e neutralidade de rede. Os nomes confirmados são os seguintes:

  • Diogo de Sant´Ana, Secretario Executivo da Secretaria Geral da Presidência da República
  • Demi Getschko, Conselheiro do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), um dos responsáveis pela primeira conexão TCP/IP brasileira, em 1991. Por isso, é considerado um dos pais da Internet brasileira
  • Vírgilio Almeida, Coordenador do CGI.br. Atualmente é Secretário de Política de Informática do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação – MCTI

Para participar e enviar perguntas e contribuições, acesse o endereço eletrônico da transmissão ao vivo: http://www.participa.br e use a hashtag #ArenaNetMundial no Twitter, Facebook, Diáspora e identi.ca.


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
João Baptista Pimentel Neto Jornalista e editor da Diálogos Do Sul.

LEIA tAMBÉM

protestos-peru
Cleptocracia, ignarocracia, bufocracia: o declínio do substantivo "democracia" no Peru
Bolivia-guerra-hibrida-eua (1)
Guerra híbrida na Bolívia entra em nova fase e EUA querem "mudança de regime" até 2025
Petro-Colombia
Petro reage a ataques de guerrilheiros contrários ao acordo de paz: "Não toleraremos"
Milei
"Barbárie" e "desequilíbrio emocional": Petro e Fernández criticam nova selvageria de Milei