Pesquisar
Pesquisar

Diálogos do Sul promove debate `"riscos e orientações pra volta às aulas: o caso do DF"

Na segunda (27), a jornalista Vanessa Martina Silva mediará a mesa redonda com os professores Alberto Ribero e Marcelo Acácio e o advogado Victor Neiva
George Ricardo Guariento
Diálogos do Sul
São Paulo (SP)

Tradução:

A retomada as aulas na rede pública do Distrito Federal (DF) está marcada para 31 de agosto, mas somente para os alunos mais velhos, ou seja, aqueles da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e da educação profissional. 

Uma das determinações é que as aulas aconteçam em esquema de rodízio: metade dos estudantes de cada turma irá à escola em uma semana, enquanto os demais farão atividades virtuais ou impressas (no caso daqueles que não tiverem acesso à internet). Na semana seguinte, cada grupo é invertido. Os estudantes não poderão permanecer na escola por mais de um turno, diz a regra.

Para debater essa questão e os riscos que envolvem o processo, a Diálogos do Sul promove, nesta segunda-feira (27), a mesa redonda: “Risco e orientações pra volta às aulas no DF”. O programa vai ao ar, ao vivo, às 16h (Brasília), no canal da Diálogos no YouTube

O debate contará com o professor de Filosofia da Secretária de Educação do Distrito Federal (SEEDF) e coordenador da secretaria de saúde do Sinpro-DF, Alberto Ribero; com o advogado especialista em direitos humanos e direito ambiental Victor Neiva e com o Diretor de Relação Institucionais da UBES, diretor da UESDF ( união dos estudantes secundaristas do DF) e estudante do Instituto Federal de Brasília, Marcelo Acácio. 

Na segunda (27), a jornalista Vanessa Martina Silva mediará a mesa redonda com os professores Alberto Ribero e Marcelo Acácio e o advogado Victor Neiva

Montagem Diálogos do Sul
A jornalista Vanessa Martina mediará a mesa redonda composta pelos professores Alberto Ribero e Marcelo Acácio e o advogado Victor Neiva

A questão da volta às aulas está presente em outras regiões do pa´ís, além do Distrito Federal. Em São Paulo, o governo anunciou o retorno às aulas presenciais em 8 de setembro e prevê escolas com 35% da capacidade máxima de alunos.

Leia mais aqui

Em Pernambuco, o cenário de retorno às aulas também é preocupante. Somente os estudantes matriculados na educação básica (pública e privada) junto com os profissionais envolvidos efetivamente no trabalho escolar correspondem a cerca de 25% da população do estado. Isso significa um contingente de mais 2,4 milhões de pessoas circulando.

Serviço:

Mesa Redonda “Risco e orientações pra volta às aulas no DF”

Data: Segunda-feira (27), às 16 horas

Ative o sininho de notificações no YouTube para ser lembrado(a) do debate: 


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
George Ricardo Guariento Graduado em jornalismo com especialização em locução radiofônica e experiência na gestão de redes sociais para a revista Diálogos do Sul. Apresentador do Podcast Conexão Geek, apaixonado por contar histórias e conectar com o público através do mundo da cultura pop e tecnologia.

LEIA tAMBÉM

Lula
Frei Betto | Para Lula, momento exige maior sintonia entre governo e movimentos sociais
Lula-RS-Brasil (2)
Nas mãos de Lula, caos no RS é sequela do bolsonarismo: desmonte ambiental e fake news
mães - palestina
Dia das Mães: algumas mães só querem a paz de presente, lembra ato pró-Palestina em Brasília
RS - inundações
Chamado à solidariedade internacionalista: inundação no RS demanda mobilização