Pesquisar
Pesquisar

Dilma: "Que a vitória dos bolivianos sirva de inspiração aos povos do nosso continente"

Vítima de um golpe em 2016, a ex-presidente e outras personalidades brasileiras celebraram o resultado das eleições deste domingo após a contagem extraoficial
Redação Brasil 247
Brasil 247
São Paulo (SP)

Tradução:

A presidente deposta pelo golpe de 2016, Dilma Rousseff, destacou os possíveis efeitos da vitória de Luis Arce (Movimento pelo Socialismo) na Bolívia sobre outros países da América do Sul. 

“Celebro com @LuchoXBolivia e @evoespueblo a lição que nos dá o bravo povo boliviano, que reconquistou a democracia nas urnas. Que a vitória sirva de inspiração aos povos do nosso continente que sofrem sob regimes neoliberais e autoritários”, escreveu a ex-presidente no Twitter.

Veja também:

Também no Twitter, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva parabenizou Luis Arce e Evo Morales. “Que a Bolívia retorne ao caminho do desenvolvimento com inclusão e soberania”, disse.

Vítima de um golpe em 2016, a ex-presidente e outras personalidades brasileiras celebraram o resultado das eleições deste domingo após a contagem extraoficial

Reprodução: agenciabrasil
A ex-presidenta do Brasil Dilma Rousseff

Em participação no Bom Dia 247, o ex-ministro das Relações Exteriores Celso Amorim afirmou que o resultado da eleição representa “o regresso da população indíge na ao poder, a volta do povo, que disse não ao golpe de Estado”.

Também no mesmo programa, o jornalista Breno Altmann disse que “a razão de fundo da vitória de Luis Arce foi a preservação da impressionante rede de mobilização popular que deixou todo o governo golpista instável”.

Outras personalidades também se pronunciaram sobre a possível vitória de Luis Arce na Bolívia, confira:

https://bit.ly/31iLXvM

Confira entrevista EXCLUSIVA com Luís Arce:


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Redação Brasil 247

LEIA tAMBÉM

Gustavo Petro
Violação dos acordos de paz: entenda por que Petro vai denunciar a própria Colômbia na ONU
Haiti
Haiti: há pelo menos 20 anos comunidade internacional insiste no caminho errado. Qual o papel do Brasil?
Betty Mutesi
“Mulheres foram protagonistas na reconstrução da paz em Ruanda”, afirma ativista Betty Mutesi
Colombia-paz
Possível retomada de sequestros pelo ELN arrisca diálogos de paz na Colômbia