Pesquisar
Pesquisar

Expedição Abya Yala

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

Expedición1Interessados em participar têm até 30 de novembro para se inscrever para viagem que visitará Colômbia e Equador em sua primeira edição.

Uma viagem ao mais profundo de nosso continente. Essa é proposta da Expedição Abya Yala, que realiza sua primeira edição em janeiro de 2015. Partindo da Colômbia, a expedição intercultural vai selecionar um grupo de até 40 pessoas para visitar comunidades e organizações camponesas, indígenas e afro descendentes, terminando no Equador. As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de novembro pela página www.expedicionabyayala.org.

Durante o percurso de 31 dias serão realizadas diversas atividades para promover o aprendizado, intercâmbio cultural e o respeito à Pachamama (Mãe Natureza), como palestras e rodas de conversa, trabalho comunitário, caminhadas e visitas a belezas naturais e lugares sagrados, participação em cerimônias e rituais e realização de oficinas entre visitantes e anfitriões. Além de visitar comunidades, o grupo também participará de conferências acadêmicas em universidades de renome nas grandes cidades.
“Trata-se de uma experiência absolutamente diferenciada de viagem. A ideia é ter uma vivência e intercâmbio com esses povos e comunidades, proporcionando contatos e redes para seguir trabalhando em projetos futuros, com base na solidariedade e na valorização cultural e política de nossos povos”, diz a Alejandra Martínez, que é diretora executiva do programa, que não tem fins de lucro e conta com apoio de diversas organizações sociais.
Expedición sulDe acordo com os organizadores, a expedição busca a integração latino-americana e um maior entendimento da realidade do subcontinente. “Enfrentamos múltiplas crises no mundo atual e acredito muitas das respostas e alternativas para sair delas podem ser encontradas nesses povos que foram historicamente inferiorizados, mas que agora ganham protagonismo. Eles guardam pensamentos e práticas que podem ser fundamentais para uma humanidade mais justa e uma natureza mais harmoniosa”, ressalta o brasileiro Vitor, diretor institucional.
Para ser parte desta grande aventura, o candidato deve enviar seu currículo, carta de motivação, além de elaborar um trabalho artístico ou acadêmico e uma proposta para ser desenvolvida na expedição. Os requisitos para participar são: ser maior de 18 anos e ter domínio de língua espanhola ou portuguesa. A lista de aprovados será divulgada no dia 8 de dezembro.
 
Link para o mapa com percurso e programação: https://mapsengine.google.com/map/edit?mid=zp3_JSkvYcAY.kvamqXH_AbNQ&authuser=0&hl=pt-BR
 


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

protestos-peru
Cleptocracia, ignarocracia, bufocracia: o declínio do substantivo "democracia" no Peru
Bolivia-guerra-hibrida-eua (1)
Guerra híbrida na Bolívia entra em nova fase e EUA querem "mudança de regime" até 2025
Petro-Colombia
Petro reage a ataques de guerrilheiros contrários ao acordo de paz: "Não toleraremos"
Milei
"Barbárie" e "desequilíbrio emocional": Petro e Fernández criticam nova selvageria de Milei