Pesquisar
Pesquisar

Noam Chomsky visita Julian Assange

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

Noam Chomsky e Julian Assange no terraço contemplam a operação policial contra a embaixada em Londres, publicou o wikileaks em seu perfil no Tiwter Noam Chomsky e Julian Assange no terraço contemplam a operação policial contra a embaixada em Londres, publicou o wikileaks em seu perfil no Tiwter

O ativista e fundador do Wikileaks Julian Assange recebeu nesta terça-feira (25) a visita do filósofo estadunidense Noam Chomsky na embaixada do Equador, em Londres, onde o australiano está exilado há mais de dois anos.

Na última sexta-feira (21) a Justiça da Suécia manteve a ordem de prisão contra o australiano por abuso sexual.

Logo que recebeu a informação, a embaixada do Equador, que é vigiada 24 horas por dia pelo governo britânico, ratificou o asilo dado ao cyberativista para “defender sua vida e liberdade”

Vivendo dentro da embaixada desde 2012, Assange participou, por videoconferência, do Encontro Nacional de Governança da Internet que acontecerá em Quito nesta quinta-feira (27). No final do evento ele deve publicar um artigo intitulado “O que implica a governança da internet para a América Latina?”

*Fonte: Agência Brasil de Fato


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

Trump
À frente em 5 estados-chave, Trump tira de Biden eleitores historicamente democratas
Carles Puigdemont (1)
Sugestão de Puigdemont após eleição na Catalunha cria tensão com governo Sánchez; entenda
Andrei Belousov - Rússia (1)
Rússia: bem-sucedida no front, estratégia militar vai se manter com novo ministro da Defesa
imigrantes-eua
Para agradar republicanos e democratas, Biden aprova medida que facilita expulsão de imigrantes