Pesquisar
Pesquisar

PARLASUL repudia violência no Paraguai

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

A XLVI Sessão Ordinária do Parlamento do MERCOSUL se realizou nesta segunda-feira, 24 de Abril, no edifício MERCOSUR em Montevidéu, Uruguai.

Durante a manhã do dia de hoje reuniram-se as Comissões Permanentes e a Mesa Diretora, nas quais foram tratados temas administrativos e de ordem política.
No período da tarde teve desdobramento a XLV Sessão ordinária, na qual se destacou o debate proposto pelo Parlamentar Ricardo Canese, com a Parlamentar Amanda Nuñez como relatora, a respeito da onda de violência que transcorreu no Congresso Nacional, na República do Paraguai.
A partir do Debate Proposto, foi aprovada pelo plenário a Proposta de Declaração que “repudia os acontecimentos violentos e quem os instigaram, assim como a violação de Direitos Humanos no Paraguai em 31 de março e 01 de abril, manifestados pela ocupação e incêndio do Congresso Nacional, pelo assalto ao local do PLRA e o assassinato do jovem militante Rodrigo Quintana”.
Orden del Dia da XLVI SO AQUÍ
Veja o video da XLVI SESSÃO ORDINARIA


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

protestos-peru
Cleptocracia, ignarocracia, bufocracia: o declínio do substantivo "democracia" no Peru
Bolivia-guerra-hibrida-eua (1)
Guerra híbrida na Bolívia entra em nova fase e EUA querem "mudança de regime" até 2025
Petro-Colombia
Petro reage a ataques de guerrilheiros contrários ao acordo de paz: "Não toleraremos"
Milei
"Barbárie" e "desequilíbrio emocional": Petro e Fernández criticam nova selvageria de Milei