Pesquisar
Pesquisar

"Política de Estado para desenvolver ciência": Para retomar o desenvolvimento, Lula mira modelo chinês

Em artigo, ex-presidente destaca "desmonte das instituições públicas, na direção do Estado mínimo e um ajuste fiscal irrealista"
Redação Sputnik Brasil
Sputnik Brasil
Rio de Janeiro (RJ)

Tradução:

Em artigo publicado em coautoria o ex-ministro da Ciência e Tecnologia Sérgio Machado Rezende, o ex-presidente Lula apresentou algumas ideias para retomar o desenvolvimento do Brasil.

No texto publicado na Folha de São Paulo, ambos denunciaram o que chamaram de “desmonte da educação e ciência”, apontando em seguida o que precisa ser feito para expandir o parque industrial brasileiro.

“Nenhum país conseguiu se desenvolver plenamente sem implantar políticas de Estado para educação e para ciência e tecnologia”, escreveram.

Eles destacam, ainda, que o domínio das pesquisas é condição necessária para tornar as empresas competitivas globalmente, assim aumentar a riqueza e fortalecer a soberania das nações.

Em artigo, ex-presidente destaca "desmonte das instituições públicas, na direção do Estado mínimo e um ajuste fiscal irrealista"

Partido dos Trabalhadores
Lula mira modelo chinês: ‘Implantou uma política de Estado para desenvolver a ciência’

Eles ainda destacaram que a “produção científica chinesa em 2021 ultrapassou a norte-americana, que há décadas tem sido a maior do mundo”.

Para Lula e Rezende, a China desenvolveu um parque industrial extenso e competitivo, com programas de interação com o sistema de pesquisa.

Pesquisa mostra que se eleições no Brasil fossem hoje, Lula venceria no 1° turno

“Exemplo bem conhecido é o da tecnologia 5G para comunicação digital, que ela desenvolveu antes das potências industriais. Dessa forma, o PIB do país [China], que na virada do século era de US$ 1,2 trilhão [R$ 6,78 trilhões], o sexto do mundo, hoje passa de US$ 15 trilhões [R$ 84,8 trilhões], apenas atrás dos EUA”, diz a publicação.

Das estratégias anunciadas pela China 2020, o ex-presidente e o ex-ministro lembram que nove estavam no Plano de Ação em Ciência, Tecnologia e Inovação (PACTI), executado pelo PT no Brasil entre 2007 e 2010.

Sobre o retrocesso, Lula e Rezende destacam o “desmonte das instituições públicas, na direção do Estado mínimo, marca de um governo que aprofunda a agenda neoliberal e um ajuste fiscal irrealista. Vamos na direção oposta da China e de outros países”, concluíram.

Redação Sputnik Brasil


As opiniões expressas nesse artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul

Assista na Tv Diálogos do Sul

 

   

Se você chegou até aqui é porque valoriza o conteúdo jornalístico e de qualidade.

A Diálogos do Sul é herdeira virtual da Revista Cadernos do Terceiro Mundo. Como defensores deste legado, todos os nossos conteúdos se pautam pela mesma ética e qualidade de produção jornalística.

Você pode apoiar a revista Diálogos do Sul de diversas formas. Veja como:


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Redação Sputnik Brasil

LEIA tAMBÉM

Lula
Frei Betto | Para Lula, momento exige maior sintonia entre governo e movimentos sociais
Lula-RS-Brasil (2)
Nas mãos de Lula, caos no RS é sequela do bolsonarismo: desmonte ambiental e fake news
mães - palestina
Dia das Mães: algumas mães só querem a paz de presente, lembra ato pró-Palestina em Brasília
RS - inundações
Chamado à solidariedade internacionalista: inundação no RS demanda mobilização