Pesquisar
Pesquisar

Pronunciamento de solidariedade com Evo Morales e condenação ao Imperialismo

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

imperialismoA Rede de Intelectuais e Artistas em Defesa da Humanidade manifesta sua indignação diante do atentado criminoso perpetrado nesta terça 3 de julho contra o presidente boliviano Evo Morales Ayma, pelo governo dos Estados Unidos e com a clara cumplicidade de vários estados europeus.

A proibição  de passagem pelo espaço aéreo ou de fazer uso do direito de um reabastecimento técnico do avião FAB-001, do presidente do Estado Plurinacional de Bolívia, por alguns países europeus, não só é uma ofensa contra o primeiro presidente indígena da América Latina, mas contra o processo de integração e construção da Pátria Grande que está recuperando sua soberania e deixando atrás sua condição de pátio traseiro dos Estados Unidos.

Bolívia, na figura de Evo Morales, um camponês cocalero que enfrentou a DEA em sua etapa como sindicalista, e que expulsou o embaixador de Estados Unidos e da Usaid em sua condição de Presidente, é o típico exemplo de como se pode construiu processos de mudanças em favor das maiorias populares desde posições claramente anticolonialistas e antimperialistas.

A covarde e criminosa agressão contra Evo Morales é uma ameaça do que o imperialismo está disposto para acabar com os presidente e povos dignos da América Latina, para destruir a dignidade e soberania recuperadas e para voltar a se apropriar de nossos recursos naturais.

Chamamos aos povos e governos de América Latina, mas também aos povos de Europa que sofrem a investida de suas elites políticas e econômicas, a denunciar e condenar esta atitude neocolonial da  Espanha, França, Portugal, Itália, colônias de uma potencia decadente.

Já não é mas tempo de impérios nem de colônias, é tempo de povos y dignidade!

 

Ana Esther Ceceña

Observatorio Latinoamericano de Geopolítica

Instituto de Investigaciones Económicas, UNAM

(52 55) 5623 0100 extensión 42418

www.geopolitica.ws

 


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

protestos-peru
Cleptocracia, ignarocracia, bufocracia: o declínio do substantivo "democracia" no Peru
Bolivia-guerra-hibrida-eua (1)
Guerra híbrida na Bolívia entra em nova fase e EUA querem "mudança de regime" até 2025
Petro-Colombia
Petro reage a ataques de guerrilheiros contrários ao acordo de paz: "Não toleraremos"
Milei
"Barbárie" e "desequilíbrio emocional": Petro e Fernández criticam nova selvageria de Milei