Pesquisar
Pesquisar

São Paulo contra a agressão à Síria

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

Chamamos o governo brasileiro a condenar com firmeza qualquer agressão

contra_a_siria48200O Comitê de Solidariedade com o Povo Sírio, integrado por dezenas de entidades da sociedade civil brasileira, vem a público condenar o horrendo massacre premeditado acontecido no subúrbio de Damasco na Síria no dia 21 de agosto. O Comitê alerta sobre a campanha midiática orquestrada pela Arábia Saudita para incriminar o governo sírio na clara intenção de induzir a opinião pública em apoiar uma intervenção estrangeira dos Estados Unidos e seus aliados do Golfo Pérsico contra um país que demonstrou resistente à ingerência dos Reis da Guerra. Uma tentativa inescrupulosa para repetir a História recente do Iraque.

O próprio Vaticano pediu através de seu porta-voz cautela em acusações infundadas e segundo fontes internacionais, a recusa do Conselho de Segurança da ONU em condenar o Governo da Síria provém de provas documentais e fotos apresentadas pela Rússia que mostra envolvimento direto de uma facção radical islâmica mascarada sob o Islamismo e sob a tutela dos “revolucionários da Morte”.

Fazemos um apelo aos jornalistas e analistas políticos que prezam pela Ética e a Verdade para que não se submetam, sem críticas profissionais ou parcialidade das fontes, às agências de notícias que se demonstram serviçais como a Al Jazeera do Qatar e Al-Arabya da Arábia Saudita e suas repetidoras globais, inclusive no Brasil.

A crise na Síria se resolve entre os sírios e sem a ingerência externa dos Estados Unidos, Turquia, Arábia Saudita, Qatar, Israel e seus aliados súditos que de longe esqueceram os valores de suas Democracias e de Mundo Livre ressuscitando seus históricos de colonialismo e imperialismo otomano e ocidental.

Chamamos o governo brasileiro da presidente Dilma Roussef a posicionar-se com firmeza contra qualquer agressão, ataque ou ingerência na República Árabe da Síria. Por isso saímos às ruas no Brasil em todas as capitais para dizer em alto e bom som: NÃO À AGRESSÃO Á SÍRIA!

Ato Público em Solidariedade ao Povo e à Soberania da Síria
Data: Dia 6 de Setembro de 2013 – Sexta-feira
Local: Praça Ramos de Azevedo – Em Frente ao Teatro Municipal – Esquina do Viaduto do Chá
Horário: A partir das 17h

Comitê de Solidariedade ao Povo da Síria

Entidades que Convocam o Ato: PCdoB (Partido Comunista do Brasil); PPL (Partido Pátria Livre); Consulta Popular; CTB (Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil); CGTB (Central Geral dos Trabalhadores do Brasil); CONTEE (Confederação dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino); UNE (União Nacional dos Estudantes); UBES (União Brasileira de Estudantes Secundaristas); MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra); CEBRAPAZ (Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz); CPPC (Conselho Português para a Paz e Cooperação); FDIM (Federação Democrática Internacional das Mulheres); MDM (Movimento Democrático de Mulheres de Portugal); UBM (União Brasileira de Mulheres); CMB (Confederação das Mulheres do Brasil); MMM (Marcha Mundial de Mulheres); UJS (União da Juventude Socialista); Levante Popular da Juventude; CONAM (Confederação Nacional das Associações de Moradores); UNEGRO (União de Negros pela Igualdade); FEPAL (Federação Árabe Palestina do Brasil); FEARAB/América (Federação de Entidades Americano-Árabes); FEARAB/Brasil (Federação de Entidades Brasileiro-Árabes); FEARAB/SP (Federação de Entidades Árabes do Estado de São Paulo); APROFFESP (Associação dos Professores de Filosofia e Filósofos do Estado de São Paulo); ACJM/BA (Associação Cultural José Martí/Bahia); SBIASP (Sociedade Beneficente Islâmica Alauita de São Paulo); GT Árabe (Grupo de Trabalho Árabe); Jornal Gazeta Al Nur do Paraná; Revista Zunái; Revista Sawtak; Sanaúd.


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

milei-argentina-espanha
Ataques de Milei deixam relação diplomática Espanha-Argentina na corda bamba
Ebrahim Raisi (1)
Ebrahim Raisi, Robert Fico, Prigozhin e Gaza: dois pesos e duas medidas na imprensa internacional
Paris
Da Porte de la Villette à Bastille: uma jornada pela cultura e modernidade de Paris
Prancheta 55
Reino Unido decide expulsar mais de 50 mil pessoas solicitantes de asilo para Ruanda