Pesquisar
Pesquisar

Seminário sobre Anistia Política na Câmara dos Deputados

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

“Nos próximos dias 23 e 24 de outubro, na Câmara dos Deputados, será realizado o seminário “Anistia Política: Perspectivas e desafios à implantação da política de reparação no Brasil”.

seminárioO seminário é uma atividade da Associação Brasileira de Anistiados Políticos – ABAP.

Programação:

Dia 23/10. Local: Auditório Nereu Ramos (Câmara dos Deputados- Brasília)

Tema: “Das políticas de memória, verdade e justiça: marcas da memória, clínicas do testemunho, memorial e caravanas da anistia e necessidade de sua preservação”.

Expositor: Cristiano Paixão, Professor da UnB (a confirmar). Período da manhã.

Tema: “Da competência da Comissão de Anistia como órgão de assessoramento ao Ministro e do novel modelo de revisão das decisões pela Consultoria Jurídica”.

Expositora: Eneá Stutz e Almeida, Professora da UnB, Conselheira da Comissão de Anistia e Coordenadora de Grupo de Pesquisa sobre Justiça de Transição. Período da tarde.

Tema: “Das condições necessárias ao devido funcionamento da Comissão de Anistia”.

Expositor: Virginius José Lianza da Franca. Ex-Conselheiro da Comissão de Anistia. Período da tarde.
 
Dia 24/10. Local: Auditório 12 (Câmara dos Deputados)

Tema: “Criação do Fórum Nacional em Defesa da Anistia e das Políticas de Reparação”. Período da manhã.

Tema: “Reunião com o Ministro da Justiça, Torquato Jardim”. Período da tarde.

Fonte / ABAP – Associação Brasileira de Anistiados Políticos.


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

Gustavo Petro
Violação dos acordos de paz: entenda por que Petro vai denunciar a própria Colômbia na ONU
Haiti
Haiti: há pelo menos 20 anos comunidade internacional insiste no caminho errado. Qual o papel do Brasil?
Betty Mutesi
“Mulheres foram protagonistas na reconstrução da paz em Ruanda”, afirma ativista Betty Mutesi
Colombia-paz
Possível retomada de sequestros pelo ELN arrisca diálogos de paz na Colômbia