Pesquisar
Pesquisar

VIII Congresso Nacional de Rádios Comunitárias

Rede Cidade Livre

Tradução:

abracoHá 19 anos as rádios livres, populares e piratas do Brasil se reuniram e criaram a Abraço Nacional (Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária). Durante esses anos a entidade cresceu e se enraizou em todos os estados da Federação, enfrentando o monopólio da mídia e inúmeras dificuldades. Foram realizados sete congressos nacionais, dezenas de encontros e congressos estaduais, e através disso, a entidade conseguiu poucos, mas significativos avanços após a Lei 9612/98. Lutando contra novos desafios e ainda trazendo velhas lutas, a Abraço realiza nos dias 21, 22 e 23 o seu VIII Congresso em Brasília, no Hotel Nacional.

 

De acordo com o coordenador da Abraço Nacional, José Sóter, não será possível realizar um congresso maior que o anterior, quando participaram cerca de 500 delegados. “Esperamos que os cerca de 150 delegados que virão a Brasília possam sair daqui com as forças renovadas e uma pauta de atuação e fortalecimento da entidade, onde ela estiver enfrentando dificuldades. Será um congresso mais enxuto, mas muito importante para o futuro das rádios comunitárias do Brasil”, relata o dirigente.

 

Os tópicos de discussão se distribuirão em três momentos: o debate sobre os desafios da democratização da comunicação no Brasil; o II Encontro de Mulheres da Abraço, buscando o empoderamento feminino, e a eleição de uma nova e renovada Direção Executiva Nacional para o próximo triênio. O evento contará na abertura, com as entidades e seus representantes: FNDC – Rosane Bertotti, FITERT – José Antônio, FENAJ – José Carlos Tavares, FRENTECOM – Luiza Erundina, MINICOM – Ricardo Berzoini, SECOM-PR – Edinho Silva. Haverá também, as participações do senador Donizeti Nogueira (PCdoB ) e da deputada Luciana Santos.  No segundo dia, o congresso recebe os palestrantes: Emiliano José – Secretário de Comunicação Eletrônica – MC, Beto Almeida – TV Sur, Renato Simões – SG-PR, representante da ONU Mulheres e da Secretaria de Políticas para as Mulheres/PR.

 

José Sóter afirma que apesar de viver um momento novo, de renovações de outorgas, a radiodifusão comunitária continua com uma lei restritiva e o problema de sustentabilidade emperrada na burocracia legal. O congresso será aberto à participação de interessados no tema Radiodifusão Comunitária. O credenciamento é limitado e começa a ser feito no dia 22 e local do evento, a partir das 15h.

 

Homenagem ao baluarte da comunicação comunitária potiguar, Hugo Tavares Dutra.
 

DSCN3113-1O VIII Congresso da Abraço é dedicado ao radialista potiguar, Hugo Tavares, que faleceu no dia 1º de julho deste ano.  Como militante ativo da Radiodifusão Comunitária, Hugo fundou a ABRAÇO POTIGUAR – Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária do Rio Grande do Norte – afim de fortalecer as rádios comunitárias do Estado; e idealizou também a Associação Rádio Comunitária Santa Rita, destinando boa parte de sua vida a comunicação e a usá-la para contribuir com a sociedade.

 

O coordenador da Abraço Nacional José Sóter, considera Hugo Tavares Dutra, um grande guerreiro. Ele se sensibilizou para a necessidade de buscar a organização das rádios no Rio Grande do Norte para se fortalecerem e participou com muita garra desse processo, tanto na administração da Rádio Comunitária que ele ajudou a criar em Santa Cruz, como promovendo o debate em todas as regiões do estado para mobilizar e organizar as emissoras da região. Recentemente, infelizmente o perdemos para o câncer. Por isso a Direção Nacional da Abraço resolveu fazer esta homenagem, lembrando a todos e todas que pereceram nessa caminhada”, ressalta Sóter.

 

O radialista Hugo Tavares foi também um grande incentivador e defensor da cultura santacruzense. Apaixonado pela cultura, arte e poesia, escreveu diversos cordéis e gravou algumas músicas de sua autoria.

 

Serviço

VIII Congresso da Abraço Nacional – Associação Brasileira de Radiodifusão Comunitária

Data: 21, 22 e 23 de agosto

Local: Hotel Nacional – Setor Hoteleiro Sul, Quadra 01, Bloco A – Asa Sul, Brasília – DF.

 

Programação

 

DIA 21 DE AGOSTO DE 2015

 
  • A partir das 15 horas– credenciamento;
  • 19 horas – abertura:
FNDC – Rosane Bertotti

 

FITERT – JOSÉ ANTÔNIO

 

FENAJ – JOSÉ CARLOS TORVES

 

FENTECOM – LUIZA ERUNDINA

 

MINICOM – RICARDO BERZOINI

 

SECOM-PR – EDINHO SILVA

 

Senador Donizeti Nogueira – confirmado

 

PCdoB – Dep. Luciana Santos

 
  • Atrações culturais
 

DIA 22 DE AGOSTO

 
  • 08 horas – “As rádios comunitárias e os desafio da democratização da comunicação no Brasil” – José Sóter – Coordenador Executivo da Abraço; Senador Walter Pinheiro
  • 09 horas – “Plano Nacional de Outorgas e o fortalecimento das Radcom no Brasil” – Emiliano José – Secretário de Comunicação Eletrônica – MC
  • 10 horas – “As rádios comunitárias na América Latina como fator de integração cultural e política” – Beto Almeida – TV Sur confirmado
  • 11 horas – “Rede Nacional de Rádios Comunitárias: produção e distribuição de conteúdos” – José Sóter
  • 13 horas – Atendimento pelas equipes do MiniCom e da Secom
  • Participação social por meio das Rádios Comunitárias – Renato Simões (Secretário Nacional de Participação Social)
  • 16 horas – “Plenária Estatutária”
  • 19 horas – II ENCONTRO NACIONAL DE MULHERES DA ABRAÇO
  • “O empoderamento da Mulher na comunidade por meio da participação política” – Representante do Coletivo de Mulheres da Abraço, Ministra Eleonora Menicucci, da SPM/PR e Nadine Gasman, Representante da Onu Mulheres no Brasil;
  • 21 horas – eleição da Coordenação do Coletivo Nacional de Mulheres da Abraço
DIA 23 DE AGOSTO

 
  • 8 horas  – PLENÁRIA ESTATUTÁRIA – Aprovação do novo estatuto
  • 9 horas – instalação da Comissão Eleitoral e inicio do processo para a eleição da nova Direção Executiva Nacional, Conselho Fiscal e Comissão de Ética
  • 12 horas – Encerramento e posse da nova direção.

As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Rede Cidade Livre

LEIA tAMBÉM

Lopez-Obrador-Claudia-Sheinbaum (2)
Eleições no México: sob legado de Obrador, esquerda caminha para vitória com Claudia Sheinbaum
Cópia de DIREITA TERÁ FORÇA PARA DERROTAR CONSTITUIÇÃO(124)
Roberto Requião: Saí do PT porque adotaram liberalismo econômico do Guedes
Luis Abinader
Política de Abinader contra refugiados do Haiti é contradição que ameaça economia dominicana
Carlos Rodríguez
"Milei provocou uma das recessões mais rápidas e profundas da história", diz ex-braço direito