Pesquisar
Pesquisar

8º Convenção Paulista de Solidariedade a Cuba

Revista Diálogos do Sul

Tradução:

Cuba (1)O Movimento Paulista de Solidariedade a Cuba – MPSC convida a todas/os para a VIII Convenção Estadual de Solidariedade a Cuba, que será realizada no próximo sábado, 22/08, a partir das 13h na sala Azul do Sindicato dos Bancários localizada no Ed. Martinelli Rua São Bento, 413 – Centro – São Paulo.

Essa atividade tem como principio reafirmar nosso posicionamento político solidário a revolução cubana, ao seu povo, ressaltando a solidariedade que Cuba tem com todos os países que dela necessite.

A solidariedade é uma das marcas da Revolução Cubana, como defende Fidel “Solidariedade não é dar o que não precisa mais e sim compartilhar o que se tem” sendo assim, vamos nos solidarizar também com o povo venezuelano, que vem sofrendo duros golpes dos Estados Unidos, golpes que Cuba vem sofrendo desde o primeiro dia da sua Revolução!

Por isso nossa mesa principal irá discutir a importância de sermos solidários a Cuba e a Venezuela e porque é importante compreender a conjuntura latino americana, para podermos nos organizar frente as investidas do imperialismo norte americano.

CubaPROGRAMAÇÃO

13h Inicio das atividades e saudação do Movimento Paulista de Solidariedade a Cuba

13h20 Mesa: A importância da Solidariedade a Cuba e a Venezuela para América Latina
– Marcelo Buzetto ( Prof. Dr. Coordenador do Núcleo de Estudos Latinoamericanos do Centro Universitário Fundação Santo André)
– Representante do Consulado de Cuba em São Paulo
– Representante do Consulado da República Bolivariana da Venezuela em São Paulo

16h30 Intervalo

16h45 Saudação e manifestação de apoio das organizações políticas e movimentos sociais solidários a Cuba

17h30 Intervenção cultural

NÃO É NECESSÁRIA INSCRIÇÃO!!!

Serviço

22/08, sábado, 13h

8º Convenção Paulista de Solidariedade a Cuba

Local: Sindicato dos Bancários – Sala Azul – Rua São Bento, 413, Centro de São Paulo, Edifício Martinelli

As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.
Revista Diálogos do Sul

LEIA tAMBÉM

Cuba
EUA tiram Cuba de lista sobre terrorismo: decisão é positiva, mas não anula sanções
19 pontos que comprovam os sucessos de Cuba em direitos humanos nos últimos 5 anos
O que querem Almagro e a OEA em Cuba às vésperas das eleições?
Centenário de Pérez Prado: “!Que rico suena el mambo!”