Pesquisar
Pesquisar

Paraguai: Partido de Benítez leva a melhor nas municipais e oposição visa aliança para presidenciais

Somando, a oposição obteve 1.375.583 votos, contra os 1.336.425 recebidos pelo governista Partido Colorado
Redação Diálogos do Sul
Diálogos do Sul Global

Tradução:

Dos 261 distritos que disputaram as eleições municipais em 10 de novembro, o governante Partido Colorado venceu 160 — 13 a mais do que nas últimas votações — em uma vitória eleitoral surpreendente, se levar em conta a baixa aprovação que a gestão do presidente Mario Abdo Benítez tem entre a população.

Longe de cumprir o papel de termômetro do progresso no país, as eleições municipais, adiadas em um ano por conta da pandemia de coronavírus, tendem a refletir mais a realidade regional, já que o Paraguai não possui eleições parlamentares de meio de mandato presidencial. 

Porém, é preciso levar em consideração a atuação de máquinas eleitorais lubrificadas, onde a predominância do controle do fundo público pelo Partido Colorado desempenha um papel decisivo nos resultados.

Somando, a oposição obteve 1.375.583 votos, contra os 1.336.425 recebidos pelo governista Partido Colorado

Governo do Paraguai
Mesmo com baixa aprovação, Partido Colorado, do presidente Mario Abdo Benítez vence em 160 distritos do Paraguai.

Algo semelhante também ocorreu com o Partido Liberal (PLRA), que conseguiu 60 cargos, embora 15 a menos que há cinco anos, o que motivou uma prolongação de sua crise interna.

As alianças promovidas em especial pela Frente Guasú, liderada pelo ex-presidente Fernando Lugo, alcançaram outras 37 lideranças municipais. 

Jair Bolsonaro e Abdo Benítez: as cláusulas secretas do neoliberalismo latino-americano

Unidade para o futuro

O líder da oposição, Efraín Alegre, do Partido Liberal Radical Autêntico, usou as redes sociais para promover a aliança da oposição para 2023, quando se disputarão as eleições presidenciais. Alegre, que busca uma nova candidatura presidencial, foi derrotado em 2013 e 2018 pelo Partido Colorado.

 “A unidade é o caminho para derrotar a máfia. Juntos podemos dizer ‘Nunca mais’. Nunca mais candidatos assassinados, nunca mais terras obtidas de forma ilegal, nunca mais corrupção em situações de emergência, nunca mais a entrega da soberania energética”, escreveu.

O presidente do PLRA relembrou os resultados totais da votação, que demonstram que a oposição obteve 1.375.583 votos, contra os 1.336.425 recebidos pelo Partido Colorado, que está no poder.


As opiniões expressas nesse artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul

Assista na Tv Diálogos do Sul

 

   

Se você chegou até aqui é porque valoriza o conteúdo jornalístico e de qualidade.

A Diálogos do Sul é herdeira virtual da Revista Cadernos do Terceiro Mundo. Como defensores deste legado, todos os nossos conteúdos se pautam pela mesma ética e qualidade de produção jornalística.

Você pode apoiar a revista Diálogos do Sul de diversas formas. Veja como:


As opiniões expressas neste artigo não refletem, necessariamente, a opinião da Diálogos do Sul do Global.

LEIA tAMBÉM

Lula-Brasil2
Cannabrava | Lula tem que aproveitar sua popularidade e apresentar um projeto nacional
g20-em-quadrinhos-n3
G20 em quadrinhos | nº 3: Vida saudável
frei-betto-ressocializacao
Frei Betto | Sim, é possível ressocializar presos comuns
MST-Frei-Betto
Frei Betto | No MST, consciência política é enriquecida com ação prática e luta